A CAVALGADA DA FÉ EM ALTANEIRA

Altaneira nasceu da paragem entre as veredas abertas pelo gado e seus vaqueiros, que encontraram na Lagoa de Santa Tereza a água necessária para aliviar a sua sede nas longas jornadas percorridas entre o Cariri e os Inhamuns.

Conforme a lenda, a pioneira família Almeida aqui veio com o intuito de matar as onças que atacava o gado. Construíram um grande curral na poça para a postura do gado e em suas estacas, colocavam a cabeça de cada onça abatida.

 Neste trajeto de vaqueiro e gado fincamos as nossas raízes. Com o propósito de homenagear estes aguerridos de couro, a partir de 12 de outubro de 2013, iniciou-se em Altaneira a Cavalgada da Fé. Um passeio a cavalo, percorrendo um trajeto pré-determinado até ao local onde se celebra a missa em homenagem ao vaqueiro.

Organizado pelo professor Zé Valdo e amigos, governo municipal e secretarias de Cultura e agricultura, o evento já faz parte do calendário festivo da padroeira com os cavaleiros homenageando nossa senhora Aparecida, padroeira do Brasil.

Em 2016, a pedido do padre Alberto, o evento ganhou uma nova modalidade, sendo celebrado com muita cantoria, repentes e forró pé de serra na Fazenda Ribeiro na Serra do Valério, iniciando às homenagens aos ex-vaqueiros, naquela ocasião aos irmãos: Cabôco e Zé Ribeiro.

A última edição (anterior à pandemia) ocorreu em 12 de outubro de 2019 a qual homenageou ao ex-prefeito e pecuarista Chico Fenelon, que houvera falecido naquela madrugada fatídica.